Page Nav

HIDE
GRID_STYLE

Post/Page

Weather Location

Classic Header

{fbt_classic_header}

Header Ad

Últimos chasques:

latest

A importância e as responsabilidades do jovem no tradicionalismo

Grupo dos Oito
Um tema amplo e possibilitador de expor conhecimento e opinião, explanando acerca de um tema sempre atual e presente nas discussões e reflexões do tradicionalismo gaúcho. Para iniciar, pode-se fazer uma linha do tem…


Grupo dos Oito

Um tema amplo e possibilitador de expor conhecimento e opinião, explanando acerca de um tema sempre atual e presente nas discussões e reflexões do tradicionalismo gaúcho. Para iniciar, pode-se fazer uma linha do tempo e a atuação da juventude tradicionalista, como por exemplo, citar os nossos jovens corajosos e precursores de 1947, citando o Grupo dos Oito no dia 05 de setembro, o acendimento da Chama Crioula no dia 07 de setembro e a própria Ronda Gaúcha, a qual originou os nossos Festejos Farroupilhas.

Surge o Movimento Tradicionalista Gaúcho com ideias lideradas pela juventude pensante e preocupada com nossos valores e problemas da sociedade. É importante ressaltar a presença constante dos jovens, bem como sua intensa atuação.

É possível e importante apontar o cenário atual de nosso Movimento e o desejo da juventude de estar sempre presente e participativa nas decisões, reflexões e idealizações. Hoje, somos responsáveis pela manutenção do tradicionalismo e o elo de ligação entre as gerações. É importante ressaltar as diversas possibilidades que o jovem tradicionalista possui para liderar, além do espaço e confiança conquistada, tendo voz e vez em um grandioso movimento preocupado com a preservação e valorização da cultura gaúcha, além de ser um movimento preocupado com a sociedade e a busca do bem coletivo.

Para encerrar a reflexão, é possível citar as responsabilidades da juventude em se apropriar de coragem e energia, assim como os jovens de 47, para seguir mostrando sua força e potencialidade de ser peça importante do tradicionalismo. A juventude é o espelho e o principal porta voz de milhares de pessoas, atraindo novos militantes a lutar pela nossa causa. É cabível citar o projeto 'Liberdade, Igualdade e Humanidade: a juventude tradicionalista como agente transformador da sociedade', liderado pelas Prendas e Peões do Rio Grande do Sul 2018/19, e que objetiva o diálogo próximo a sociedade, além de promover reflexões acerca dos direitos de Liberdade, Igualdade e Humanidade, fazendo ligação a temas da atualidade. Concluindo, é importante ressaltar os legados dos jovens de 47 e sua contribuição para a juventude da nova geração dos 50 anos. É sempre importante destacar o conteúdo, mas principalmente a sua opinião sobre a temática e a sua visão para expandirmos novos horizontes e construirmos ideias e reflexões através da união das gerações e da atuação da juventude tradicionalista.


Prendas Adultas do Rio Grande do Sul 2018/2019
Fonte: blog Cantinho Gaúcho, de Carolina Bouvie

Nenhum comentário

Ads Place