Os vencedores do festival - Foto: Prefeitura de Osório


Com letra de Kuka Pereira, a composição  também levou o prêmio de Melhor Tema Campeiro e de Melhor Intérprete, conferido a Tuny Brum


"Meu Mate de Doze Braças", letra de Kuka Pereira e música de Tuny Brum,  foi a grande vencedora da 27ª Tafona da Canção de Osório, cuja final ocorreu neste domingo (17). A composição de também levou o prêmio de Melhor Tema Campeiro e de Melhor Intérprete, conferido a Tuny Brum.  O segundo lugar foi para a canção "Batuque Derradeiro", composto e interpretado por Bilora, de Contagem (MG),que  também obteve o prêmio  de Música Mais Popular. O melhor instrumentista foi o gaiteiro Lucas Ferreira e prêmio de Melhor Tema Litorânea foi para "Dois Cantadô", de Érlon Péricles/Diego Müller e Guilherme Castilhos, interpretada por Érlon Péricles. Ao todo, foram 14 composições que se classificaram nas fases regional e nacional  e que estarão no CD e no DVD do festival.

A chuva, que foi presença constante nas três noites de festival, só cedeu neste domingo, proporcionando a que o público comparecesse em peso ao Parque Jorge Dariva. A noite ainda teve shows de Daniel Torres e Mano Lima, além de homenagens às personalidades que contribuíram ao longo destas 27 edições do festival, como  Carlos Catuípe, Mestre Gica, Juarez Fonseca, Airton Camargo, Sebastião Teixeira, Ivo Ladislau, Luiz Odacir Ramos e também os Cantadores do Litoral e o CTG Estância da Serra.

A comissão julgadora do festival foi formada pelo saxofonista e flautista Luizinho Santos; pela cantora e compositora Loma Pereira; pelo cantor, compositor, poeta e produtor musical, Marco Araújo; pela cantora Maria Luiza Benitez e o poeta e letrista, Jaime Vaz Brasil.

Confira o resultado da 27ª Tafona da Canção Nativa:

Melhor instrumentista: Lucas Ferreira.

Melhor intérprete: Tuny Brum.

Melhor Tema Litorâneo:
Música: Dois Contadô;
Letra: Diego Müller;
Melodia: Érlon Péricles/Guilherme Castilhos.
Intérprete: Érlon Péricles
Cidade: Canoas/Porto Alegre.

Melhor Tema Campeiro:
Música: Meu Mate de Doze Braças;
Letra: Kuka Pereira;
Melodia: Tuny Brum;
Intérprete: Tuny Brum.
Cidade: Brasília/Santa Maria.

Troféu Música Mais Popular:
Batuque Derradeiro;
Letra: Bilora;
Melodia: Bilora.

2º Lugar:
Batuque Derradeiro;
Letra, melodia e interpretação: Bilora;
Cidade: Contagem/MG.
Letra: Bilora;
Melodia: Bilora.

1º Lugar:
Música: Meu Mate de Doze Braças;
Letra: Kuka Pereira;
Melodia: Tuny Brum;
Intérprete: Tuny Brum.
Cidade: Brasília/Santa Maria.

 
Colaboração:
Assessoria de Imprensa: Silvia Abreu (MTB 8679-4)
Fones: 51 994046106 (Claro) |982385577 (Tim) | 19/09/2017
Axact

#ProsaGalponeira

O Prosa Galponeira é um portal voltado para a divulgação da cultura gaúcha, amplamente diversificado, trazendo notícias sobre os festivais nativistas, shows - agenda de artistas, rodeios, eventos em CTGs, MTG e CBTG, artigos culturais, histórias e personalidades marcantes da nossa cultura, entre outras informações e histórias. E-mail: prosagalponeira@gmail.com.

Poste o seu comentário:

0 comments: