A quarta  temporada do Desafio Farroupilha, o reality gauchesco da RBS TV, já começou. Para disputar uma das oito vagas, grupos de danças adultos e juvenis podem se inscrever para o Desafio, postando fotos, textos e vídeos nas redes sociais, com a hashtag #desafiofarroupilha2017, dizendo porque merece participar do programa. Para facilitar a identicação das postagens, também pode ser utilizada a hashtag com o nome do CTG. Por exemplo: #CTGTiarayu. Podem participar dançarinos dos estilos “Enart” e “Paixão Côrtes”. A produção lembra que vale tudo para chamar a atenção de César e Rogério, os apresentadores do especial. Depois, os 20 grupos que postarem as campanhas mais abrangentes e criativas serão submetidos a uma votação popular, via G1RS, que irá escolher os oito semi-finalistas.

A segunda etapa do reality apresentará aos selecionados um “desafio” relacionado à educação em escolas públicas. Esse desafio será divulgado aos participantes no mês de abril. Os dois finalistas serão escolhidos no  mês de junho, durante apresentação dos concorrentes a um grupo de jurados, no Sarau de Artes Gaúchas do CTG M’ Bororé, em Campo Bom dia 9 de junho. A esses finalistas, será apresentado o segundo “desafio”. O grande vencedor  do reality será revelado durante a Semana Farroupilha, em transmissão ao vivo. O reality será exibido em sete episódios, a partir de 12 de agosto, sempre aos sábados, no Jornal do Almoço.

-O reality conquistou espaço não apenas como programa de televisão, mas como uma contribuição e compromisso com o universo cultural de nosso estado”, observa o músico César Oliveira.

O “Desafio Farroupilha” teve início em 2014, quando o músico Cristiano Quevedo cumpriu a missão de  aprender a laçar. Na segunda temporada, em 2015, César Oliveira e Rogério Melo foram desafiados a escolher o novo talento da música gaúcha: o cantor Fernando Saccol, de Santa Maria. Ano passado, o reality  partiu para o segmento das danças tradicionais gaúchas, que, segundo cálculos do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), reúne 29 mil dançarinos em pelo menos 1,2 mil invernadas de danças. O grande campeão foi o  CTG Tiarayu, de Porto Alegre, que venceu o desafio de transformar em dança uma carreira de cancha reta, tradição típica do interior do Rio Grande do Sul. O CTG Ronda Charrua, de Farroupilha, foi o segundo colocado. Já o Grupo de Artes Nativas Ivi Maraé, de São Leopoldo, foi escolhido o mais popular.


por Giovani Grizotti
Fonte: Repórter Farroupilha junto ao portal G1
Axact

#ProsaGalponeira

O Prosa Galponeira é um portal voltado para a divulgação da cultura gaúcha, amplamente diversificado, trazendo notícias sobre os festivais nativistas, shows - agenda de artistas, rodeios, eventos em CTGs, MTG e CBTG, artigos culturais, histórias e personalidades marcantes da nossa cultura, entre outras informações e histórias. E-mail: prosagalponeira@gmail.com.

Poste o seu comentário:

0 comments: