30ª CIENA - Ciranda Estudantil Nativista
"O maior Festival Estudantil Nativista do RS"
Dias 27, 28 e 29 de outubro de 2016
Canguçu/RS


A CIENA conta com representantes em várias modalidades artísticas, entre elas: Trabalhos Manuais, Desenhos, Canto Individual Masculino e Feminino, Canto Coletivo, Declamação Masculina e Feminina, Causos, Violão, Gaita, Danças de Salão e Danças Tradicionais, sendo os alunos distribuídos em categorias conforme a escolaridade.


COMO SURGIU A CIENA


Com o objetivo da preservação dos costumes e das tradições gaúchas, tendo como foco de resistência e ao mesmo tempo a sedimentação da cultura regional, a Ciranda Estudantil Nativista, iniciou suas atividades em 13 de setembro de 1987.

A origem deste evento, começa em uma reunião preparatória para a Semana Farroupilha, que aconteceu no CTG Sinuelo, na década de 80. Na oportunidade, o grupo reunido expressava sua preocupação com novas alternativas que pudessem atrair mais jovens para as rondas. Jaques Oliveira, lembrou a Ronda Estudantil Tradicionalista – RETRA, da cidade vizinha de Piratini. O evento já extinto, serviu de pauta para a reunião do grupo, que buscava estas novas iniciativas.

Jaques dos Santos Oliveira, Géder Luís Goulart Barbosa, Paulo Renato Silveira e os peões da Invernada do CTG Sinuelo, decidiram então, buscar em Piratini a experiência, que recebeu o apoio da Secretaria de Educação e Cultura de Canguçu, na época, Aliette Martins Ribeiro coordenava os trabalhos da Secretaria. A iniciativa serviu de referência para a criação da CIENA – Ciranda Estudantil Nativista de Canguçu, nome sugerido por Jorge Alberto Goularte, que fazia parte da patronagem do CTG Sinuelo. A partir daí, o evento começa a ganhar espaço no calendário municipal, envolvendo também as escolas do município. O apresentador era o radialista Ubiratan Rodrigues.

Nas duas primeiras edições, o evento era coordenado pelo CTG Sinuelo, através de Miriam Zuleica Goulart Reyes e Brunilda Rommel, respectivamente. Na terceira edição, João Antônio Iribarrem, Coordenador da 21ª Região Tradicionalista, coordenou o evento.

A partir da 4ª edição, uma comissão formada pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assume a coordenação dos eventos seguintes.

Na oportunidade de sua criação, em 1987, engajar a comunidade estudantil nas atividades da Semana Farroupilha, despertar na comunidade estudantil, nos nossos jovens, os valores que constituem a cultura nativa, além de visar o desenvolvimento artístico, cultural e educacional nas escolas era a proposta deste trabalho. A Semana Farroupilha também ganhou força com a iniciativa, tornando-se outra referência na zona sul.

RECONHECIMENTO

A CIENA Ciranda Estudantil Nativista recebeu da Secretaria do Estado da Cultura no dia 06 de novembro de 2006 no município de Pelotas, o Prêmio da Cultura Gaúcha 2006, pelos 20 anos de atividades culturais em nosso estado.

O Prêmio Cultura Gaúcha – é entregue pela Secretaria de Estado da Cultura a entidades e autoridades que contribuíram com o desenvolvimento da cultura no Estado do Rio Grande do Sul.

Informações do blog do Géder Barbosa - Canguçu/RS
Axact

#ProsaGalponeira

O Prosa Galponeira é um portal voltado para a divulgação da cultura gaúcha, amplamente diversificado, trazendo notícias sobre os festivais nativistas, shows - agenda de artistas, rodeios, eventos em CTGs, MTG e CBTG, artigos culturais, histórias e personalidades marcantes da nossa cultura, entre outras informações e histórias. E-mail: prosagalponeira@gmail.com.

Poste o seu comentário:

0 comments: