Grid

GRID_STYLE
FALSE
TRUE

Custom Header

{fbt_classic_header}

Últimos chasques

latest

Unimed Federação inaugura Casa Memória e Cultura em Porto Alegre-RS

Prédio, erguido nos anos de 1930, foi restaurado e ganhou espaços para acervo e eventos MARCELO G. RIBEIRO/JC Caroline da Silva “Um e...

Prédio, erguido nos anos de 1930, foi restaurado e ganhou espaços para acervo e eventos
MARCELO G. RIBEIRO/JC


Caroline da Silva

“Um espaço para receber arte e cultura”, define resumidamente Éverton Quevedo, supervisor do Núcleo Memória e Cultura da Unimed Federação/RS, a novidade que abrirá em Porto Alegre na próxima semana. A capital gaúcha contará com um espaço cultural da Unimed a partir de 25 de junho, localizado no número 263 da rua Santa Terezinha, no bairro Farroupilha.

Em cerimônia para colaboradores, a inauguração da Casa Memória e Cultura marca a data do 47º aniversário da Federação. O público em geral já pode visitar a edificação histórica revitalizada com seus atrativos a partir da quarta-feira (26), sempre das 12h às 18h.
Segundo Quevedo, historiador que entrou na cooperativa em 2017, após 12 anos como diretor do Museu da História da Medicina (MUHM/RS), o Memorial conta com uma exposição de longa duração no térreo da residência construída nos anos de 1930, apresentando a trajetória do cooperativismo médico, com ênfase na atuação da Unimed, iniciada em 1972.

O historiador relata que a proposta de iniciativa começou em 2016, quando o imóvel - tombado pela Equipe do Patrimônio Artístico e Histórico do município de Porto Alegre (EPAHC) - foi adquirido. Uma das questões sobre a escolha do local foi a proximidade com a sede da federação, que fica também na rua Santa Terezinha, no número 340, bem perto da Casa Memória.

“A direção adquiriu um prédio histórico para instalar o Memorial para recuperar uma casa importante da vizinhança, que fosse reconhecida como patrimônio. Nas atas de assembleia, é interessante verificar isso”, cita ele.

Quevedo comenta a aproximação da Unimed com entidades culturais nos últimos anos: “No primeiro semestre de 2019, a cooperativa firmou uma parceria com a Fundação Theatro São Pedro para viabilizar uma parte da obra do Multipalco. O Instituto Unimed, outro braço da federação, tem ligação com cultura na realização dos fóruns”.

Conforme o especialista em Memória da Saúde, a Casa Memória e Cultura é um projeto da Unimed Federação a partir de sua presidência: “Foram feitos investimentos próprios, em razão do sentimento da diretoria da instituição de preservação e difusão da memória do cooperativismo e do sistema Unimed de um modo geral”.

O segundo pavimento da edificação ganhou uma sala multifuncional para realização de eventos como palestras, oficinas e ações educativas, com capacidade para 40 pessoas sentadas e espaço para exposições temporárias. A obra obedeceu aos parâmetros próprios para restauração e foi assinada pelo arquiteto Walter Schindel.

Até 30 de setembro, a primeira mostra convidada traz esculturas do médico e artista plástico Paulo Favalli, em homenagem aos 500 anos da morte de Leonardo Da Vinci, celebrados em 2019. Homo Machina esteve em cartaz no Margs no início deste ano.

Ainda será possível fazer pesquisas acadêmicas em documentos do acervo arquivístico da Casa Memória e Cultura, mediante agendamento prévio pelos contatos (51) 3395-9599 e memoria@unimedrs.coop.br. O  espaço também quer despertar o interesse dos espectadores para o esforço de conservação de itens históricos. Por isso, somente uma parede de vidro separa o salão da visitação da área com os armários deslizantes da reserva técnica, transformando os arquivos em objetos de curiosidade de uma vitrine.


Fonte: Jornal do Comércio

Nenhum comentário