Contato e informações:

Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Desporto e Lazer-SMEC
Rua Sete de Setembro, 460 – Centro. CEP: 95.290-000. Bom Jesus.
Fone/fax: (54) 3237-2658 e 3237-2552
E-mail: senatro@bomjesus.rs.gov.br
 
 
PROGRAMAÇÃO

11/04/2018 – 4ª FEIRA
18h – Inscrições e recepção aos participantes
19h30min – Abertura Oficial do XIV SENATRO
20h30min – Arte no SENATRO
21h10min – Comunicados
21h30min – Descanso

12/04/2018 – 5ª FEIRA
08h – Chegada da V Cavalgada Cristóvão Pereira de Abreu
09h – Palestra: Tradición e historia de los troperos argentinos, su difusión en la educación extracurricular. Zulema Mabel Cañas. Presidente da Asociación Civil Foro de la Memoria de Mataderos, Membro de la Comisión Directiva de ICOM Argentina e Professora del Instituto Legislativo de Capacitación – Legislatura de la ciudad de Buenos Aires. Buenos Aires/Argentina
09h40min – Debate
09h50min – Palestra: A formação de Curitiba como sociedade campeira. Marcelo Aparecido de Siqueira. Professor de História, Pesquisador sobre a História do Paraná Tradicional. Curitiba/PR
10h30min – Debate
10h40min – Convívio
10h50min – Palestra: Os índios e o tropeirismo no sul do Brasil (1634-1738). Lauro Pereira da Cunha. Mestre em História. Porto Alegre/RS
11h30min – Comunicados

12h – Intervalo para almoço.

13h30min – Arte no SENATRO
13h45min – Palestra– Memória das Fazendas Serranas. Sebastião Fonseca de Oliveira. Historiador. Escritor. Poeta. Gramado/RS
14h25min – Debate
14h35min – Comunicados
15h15min – Convívio
15h30min – Painel: Asininos e muares: aspectos biológicos e sua utilização. Marco Aurélio Angeli (Zoreia). Empreendedor do Projeto Caminho das Tropas e Criador de mulas. Taquara/RS; Valter Fraga Nunes. Biólogo, Mestre em Botânica. Tradicionalista.. Vice-presidente do Fórum Permanente de Cultura de Viamão. Integrante do Núcleo de Pesquisa Histórica de Viamão. Membro do Conselho Municipal de Cultura de Viamão. Um dos Coordenadores da Tropeada Cristóvão Pereira de Abreu. Idealizador, juntamente com Marco Aurélio Angeli – Zoreia, do Projeto Tropeirismo nas Escolas. Viamão/RS

16h20min – Debate
16h30min – Comunicados
17h30min/20h30min – Atividade paralela: Oficina Pedagógica sobre tropeirismo
19h30min – Arte no SENATRO
19h45min – Palestra: Construindo lugares: objetificação e insolência negra no tropeirismo. Deivison Moacir Cezar de Campos. Coordenador dos cursos de Comunicação e do Neabi da Ulbra. Doutor em Ciências da Comunicação. Doutorando em História Social. Canoas/RS
20h25min – Debate
20h35min – Lançamento de livros dos autores: Lauro Pereira da Cunha e Sebastião Fonseca de Oliveira. Espaço para apresentação dos livros. Coordenação: Lucila Maria Sgarbi Santos
21h25min – Gaitaço

13/04/2018 – 6ª FEIRA
08h15min – Arte no SENATRO
08h30min – Painel: Valores atuais da cultura tropeira. Projeto Tropeiro Brasil: resultados e conclusões. Carlos Roberto Solera. Pesquisador, Escritor, Consultor em Turismo Rural, Presidente Honorário da ABRATURR, Presidente da NATA e Coordenador Geral do Projeto Tropeiro Brasil. Curitiba/PR; Eleni Cássia Vieira. Pesquisadora, Escritora. Especialista em Patrimônio Cultural e Turismo Regional. Curitiba/PR
09h10min – Debate
09h20min – Palestra: A “Traia” tropeira na lista da inflação. Sergio Coelho de Oliveira. Jornalista, Pesquisador, Escritor, Membro da Academia Sorocabana de Letras e Membro do Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Sorocaba. Sorocaba/SP
09h40min – Debate
09h50 – Convívio
10h – Palestra: Servidão de Passagem Histórica, Turística ou Esportiva e a criação do 6º Livro do Tombo Nacional intitulado Transumância. Henrique Paulo Schmidlin. Pesquisador, Escritor e Consultor de Assuntos do Patrimônio Cultural e Ecoturismo. Curitiba/PR
10h30min – Debate
10h40min – Palestra: Rolante no Caminho das Tropas: negação e reconstrução da memória”. Simone Adriana Grings Santos. Professora da Rede Estadual, Graduada em História, Especialista em História do RS. Rolante/RS
11h15min – Debate
11h25min – Palestra: Cidades Tropeiras: Região Sul. Luiz Antônio Alves. Escritor, Pesquisador, Economista, Genealogista e Historiador. Caxias do Sul/RS e Sandra Maria Schmith Alves. Advogada, Pesquisadora e Escritora. Caxias do Sul/RS.
11h40min – Lançamento do livro Cidades Tropeiras: Região Sul. Luiz Antônio Alves. Escritor, Pesquisador, Economista, Genealogista e Historiador. Caxias do Sul/RS e Sandra Maria Schmith Alves. Advogada, Pesquisadora e Escritora. Caxias do Sul/RS.

12h – Intervalo para almoço

13h30min – Arte no SENATRO
13h45min – Palestra: Curitiba tropeira e sua influência no Brasil Meridional. Marcelo Aparecido de Siqueira. Professor de História, Pesquisador sobre a História do Paraná Tradicional. Curitiba/PR
14h20min – Debate
14h30min – Palestra: Caminho dos Conventos, uma abordagem da rota entre o Litoral e o Planalto Catarinense. Geraldo Barfknecht. Geólogo e Pesquisador. Curitiba/PR
14h50min – Debate
15h – Convívio
15h15min– Palestra: Nos arrabaldes da História. Sérgio Coelho de Oliveira. Jornalista, Pesquisador, Escritor, Membro da Academia Sorocabana de Letras e Membro do Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Sorocaba. Sorocaba/SP
15h50min – Debate

16h – Palestra: Tropas xucras, tributação e acumulação de capital. Como o comércio de muares financiou a cafeicultura e o início da industrialização paulista. Geraldo Bonadio. Jornalista, Pesquisador, Escritor da Academia Sorocabana de Letras
e Membro do Instituto, Histórico, Geográfico e Genealógico de Sorocaba. Sorocaba/SP
16h40min – Debate
16h50min – Palestra: Tropeirismo na documentação eclesiástica gaúcha (1753-1767). Diego de Leão Pufal. Advogado, Servidor público do Tribunal de Justiça/SC e Genealogista. Forquilhinha/SC
17h30min – Debate
17h40min – Comunicações

18h – Intervalo para janta

19h30min – Arte no Senatro
19h45min – Palestra: Imagens tropeiras. Sérgio Barbosa. Pesquisador e Tradicionalista. São Francisco de Paula /RS
20h – Debate.
20h10min – Comunicados.
20h45min – Apresentação e aprovação de moções

14/04/2018 – Sábado
Formação pedagógica aos professores da Rede Municipal de Ensino de Bom Jesus, demais professores e interessados

8h – Palestra: Material e métodos para o ensino-aprendizagem sobre tropeirismo nas escolas. Valter Fraga Nunes. Biólogo, Mestre em Botânica. Tradicionalista. Em Viamão: Vice-presidente do Fórum Permanente de Cultura. Integrante do Núcleo de Pesquisa Histórica. Membro do Conselho Municipal de Cultura. Um dos Coordenadores da Tropeada Cristóvão Pereira de Abreu. Idealizador, juntamente com Marco Aurélio Angeli – Zoreia, do Projeto Tropeirismo nas Escolas.Viamão /RS; Marco Aurélio Angeli (Zoreia). Empreendedor do Projeto Caminho das Tropas e Criador de mulas. Taquara/RS e Manoel Maria da Silva (Manoel Gaspar) Agricultor e Tropeiro. Bom Jesus/RS
9h30min – Debate
9h45min – Convívio
10h – Painel: Urupema - a valorização da cultura tropeira pela Educação Escolar. Eleni Cássia Vieira. Pesquisadora, Escritora. Especialista em Patrimônio Cultural e Turismo Regional. Curitiba/PR e professores da Secretaria Municipal de Educação e Cultura/SMEC e Escola Estadual Básica Manoel Pereira de Medeiros. Urupema/SC
11h40 – Debate

12h – Intervalo do almoço
13h30min – Arte no SENATRO
13h45min – Painel: Elaboração de projetos pedagógicos tropeiristas nas escolas. Valter Fraga Nunes. Biólogo, Mestre em Botânica. Tradicionalista. Vice-presidente do Fórum Permanente de Cultura de Viamão. Integrante do Núcleo de Pesquisa Histórica de Viamão. Membro do Conselho Municipal de Cultura de Viamão. Um dos Coordenadores da Tropeada Cristóvão Pereira de Abreu. Idealizador, juntamente com Marco Aurélio Angeli – Zoreia, do Projeto Tropeirismo nas Escolas. Viamão/RS
e Silvestre Alves Gomes. Músico, Compositor, Pesquisador e Professor. Ponta Grossa/PR. Coordenação: Véra Lucia Maciel Barroso

15h – Convívio
15h15h – Palestra: Entendimento, comprometimento e pertencimento cultural da comunidade às escolas. Véra Lucia Maciel Barroso. Historiadora patrulhense. Porto Alegre/RS
15h50min – Debate
16h – Palestra: A importância do aperfeiçoamento profissional do professor para inserção do tema tropeirismo. Vera Rosane Silveira Moraes. Professora de História. Canela/RS 16h40min – Debate
16h50min – Painel: Relato de experiências. Simone Adriana Grings Santos. Professora da Rede Estadual, Graduada em História, Especialista em História do RS. Rolante/RS; Edgar Bueno Silveira. Professor, Tradicionalista e Pesquisador. Vacaria/RS; Marcelo Aparecido de Siqueira. Professor de História, Pesquisador sobre a História do Paraná Tradicional. Curitiba/PR. e Valter Fraga Nunes. Biólogo, Mestre em Botânica. Tradicionalista. Vice-presidente do Fórum Permanente de Cultura de Viamão. Integrante do Núcleo de Pesquisa Histórica de Viamão. Membro do Conselho Municipal de Cultura de Viamão. Um dos Coordenadores da Tropeada Cristóvão Pereira de Abreu. Idealizador, juntamente com Marco Aurélio Angeli – Zoreia, do Projeto Tropeirismo nas Escolas.Viamão /RS Coordenação: Lucila Maria Sgarbi Santos
18h – Debate
Baita abraço.
18h10min – Apresentação e aprovação de moções
18h30min – Encerramento XIV SENATRO

15/04 – Domingo
09h – Passeio: Caminhada pelo Caminho dos Conventos na Serra Velha (Por adesão). – Henrique Paulo Schmidlin, Geraldo Barfknecht. Guias de Montanha e Esportes da Natureza, com vasta experiência nesta atividade. Curitiba/PR. Cleber Pazini. Empresário de turismo e guia regional. São José dos Ausentes/RS.
INFORMAÇÕES GERAIS

Local do evento: CTG Presilha do Rio Grande. Rua Sete de Setembro, 900

Equipamentos disponibilizados: Projetor multimídia e telão

Programação paralela

• Arte no SENATRO
• Lançamentos e venda de livros sobre tropeirismo e temas afins
• Exposições relativas ao Tropeirismo
• Exposição e venda de artesanato e produtos típicos
• Visita monitorada ao Museu Municipal e Arquivo Histórico de Bom Jesus. (Opcional)

12/04/2018 – 5ª FEIRA

17h30min às 20h30min – Oficina para professores: (opcional) “Oficina Pedagógica: Tropeirismo em Jogos Educativos”. Oficineiro: Silvestre Alves Gomes. Músico, Compositor, Pesquisador e Professor. Ponta Grossa/PR. Dia 12/04 – das 17h30min às 20h30min.
Local: Salão da SMEC de Bom Jesus.
Inscrições: SMEC, RUA Sete de Setembro, Bom Jesus;
E-mail: senatro@bomjesus.rs.gov.br ou na secretaria do evento no CTG Presilha do Rio Grande.
Será fornecido certificado.

Lembrete:

No final de abril, em Bom Jesus, as temperaturas podem ser muito baixas. Aconselhamos trazer agasalhos e calçados confortáveis para quem participar do passeio na Caminhada pelo Caminho dos Conventos na Serra Velha (Por adesão).
Hospedagem
Hotel Angelina: Fone/fax: (54) 3237-1456 - e-mail:
sandralisboa001@gmail.com
• Hotel Camélias: Fone (54) 3237-1288 - e-mail: recantodascamelias@terra.com.br
• Hotel Dutra: Fone: (54) 3237-1209 - e-mail: hoteldutra@gmail.com
• Pousada TRUTA RODRIVARIS - BR 285, Km 3. Fones: (54)3237-1647 E-mail: pousada@trutarodrivaris.com.br


Fonte: blog do Rogério Bastos


Veja também: Origem do Tropeirismo no Brasil

http://www.prosagalponeira.com.br/2018/03/origem-do-tropeirismo-no-brasil.html
Axact

#ProsaGalponeira

O Prosa Galponeira é um portal voltado para a divulgação da cultura gaúcha, amplamente diversificado, trazendo notícias sobre os festivais nativistas, shows - agenda de artistas, rodeios, eventos em CTGs, MTG e CBTG, artigos culturais, histórias e personalidades marcantes da nossa cultura, entre outras informações e histórias. E-mail: prosagalponeira@gmail.com.

Poste o seu comentário:

0 comments: