Foto: Divulgação


Inicia no dia 31 de julho e se estende até 04 de agosto o período para inscrições de projetos culturais pelas entidades tradicionalistas interessadas em acampar no Acampamento Farroupilha de Porto Alegre.

Podem ser apresentadas atividades culturais como:
I – Oficinas Culturais Temáticas – atividade que proponha a vivência da cultura gaúcha na sua essência, como por exemplo, de chimarrão contendo além da história desta bebida típica, a experimentação de como fazer a bebida;
II – Encenações Teatrais - forma literária  de apresentar uma passagem da história, normalmente constituída de diálogos entre personagens e destinada a ser encenada visando facilitar o entendimento do tema apresentado, como por exemplo, encenar a prisão de Bento Gonçalves no combate da Ilha do Fanfa;
III – Seminários - reunião especializada em que se debatem problemas científicos ou matérias expostas por seus participantes, como por exemplo, trazer um professor especializado em história gaúcha para debater um tema especifico;
IV – Mostra de Poesia e Declamação – reunião onde pessoas apresentam poesias e declamações que tenham relação com o tema proposto para os projetos;
V – Pesquisa
VI – Acervo e resgate histórico - resgate histórico e cultural, a partir por exemplo de  imagens fotográficas que traçam a história, assegurando que parte dessa memória não se perca, permitindo que as gerações revivam o passado, tomando conhecimento da história contada.
 VII – Apresentações Musicais e Artísticas – promover o acesso aos bens culturais, através de espetáculos, shows, livros, obras de artes plásticas, músicas e filmes, estimulando o conhecimento sobre a história regional.

Os projetos deverão ser direcionados para crianças, adolescentes e jovens, terceira idade, professores da rede pública de ensino, turista e visitantes do Acampamento e as inscrições devem ser realizadas no Centro Municipal de Cultura – Érico Veríssimo, 307 (Teatro Renascença) das 9h às 12h e das 13h30min às 17h, com apresentação dos documentos: alvará de 2016, ata de fundação do piquete, ata de eleição do novo patrão caso houver alteração de patronagem, nome e certificado de no mínimo dois brigadistas, comprovante de recolhimento da taxa de luz, água e lixo conforme tabela de Categoria de Piquete e o projeto cultural.

Foto: TV Tradição

Fonte: facebook da Ronda Gaúcha
Axact

#ProsaGalponeira

O Prosa Galponeira é um portal voltado para a divulgação da cultura gaúcha, amplamente diversificado, trazendo notícias sobre os festivais nativistas, shows - agenda de artistas, rodeios, eventos em CTGs, MTG e CBTG, artigos culturais, histórias e personalidades marcantes da nossa cultura, entre outras informações e histórias. E-mail: prosagalponeira@gmail.com.

Poste o seu comentário:

0 comments: