Festejos Farroupilhas do Paranhana têm projeto cultural aprovado na LIC para 2017

Oficinas culturais continuarão sendo realizadas na edição deste ano do Festejos, em Taquara. Arquivo/Panorama


Em sua 11ª edição, o Festejos Farroupilhas do Paranhana, evento que marca as comemorações tradicionalistas de setembro em Taquara, contará com o suporte de recursos da Lei de Incentivo à Cultura (LIC). O projeto foi aprovado pelo governo do Estado e, agora, os organizadores passam à fase de captação das verbas junto a eventuais empresas patrocinadoras. O Festejos Farroupilhas acontecerá de 9 a 20 de setembro, na sede campestre do CTG O Fogão Gaúcho, mantendo a proposta de incentivar a cultura gaúcha, inclusive com oficinas para as crianças.

O parecer do Conselho Estadual de Cultura aprovando a destinação de recursos da LIC para o evento foi analisado no dia 22 de maio. No texto, o relator, conselheiro Marco Aurélio Alves, faz uma análise sobre as programações da Semana Farroupilha no Rio Grande do Sul e a importância de incentivar os eventos pelo interior. Ressaltou que o projeto do Festejos preocupa-se, além da cultura, com acessibilidade, com questões ambientais, com a democratização do acesso e com a preservação dos saberes e fazeres através “de três criativas oficinas que podem envolver toda a comunidade escolar”. “Beneficiado pela localização da sede campestre onde se realizará, poderá contemplar, também, as comunidades de Parobé, Rolante, Riozinho, Igrejinha e Três Coroas, além de despertar a atenção dos turistas que se dirigem a Gramado e Canela”, complementou. “O orçamento racional e dentro de todos os padrões de mercado faz com que este projeto seja oportuno, cabendo apenas mencionar que considerando a modesta aplicação de recursos em divulgação exigirá que o proponente busque formas alternativas de comunicação para que toda a população da região tome conhecimento da amplitude daquilo que é ofertado”, avaliou sobre o orçamento da promoção.

“Ao ler este projeto, tem-se a impressão de que seus proponentes estão atentos à necessidade de envolvimento dos jovens nas ações propostas a fim de que seja viabilizado à geração que conduzirá este estado amanhã às possibilidades de desvendar raízes para poder conhecer a história, preservar os saberes e ampliar o território das conquistas a partir da sabedoria dos que aqui já estavam ou dos que se juntaram na construção do Rio Grande. Assim, esta iniciativa se faz relevante, e sua realização, necessária”, avaliou o relator. “Além das oficinas, as atividades culturais previstas para os recantos são de uma riqueza exemplar que merece ser amplamente divulgada a fim de tornar público em todo o estado o quão bem pode ser aproveitada uma programação criativa, inteligente e que estimule a participação coletiva, a solidariedade, o trabalho em equipe, a valorização da escola na premiação, além de um conjunto de fatores positivos referentes a questões do desenvolvimento humano”, acrescentou.

A LIC aprovou R$ 102.563,50 para o Festejos. Segundo o presidente da Associação Recanto Galponeiro, Aécio Gampert, a entidade considera de grande importância contar com estes recursos de forma a viabilizar o evento, inclusive mantendo os shows e a programação cultural para as escolas. Aécio ressalta que o Festejos tem entrada gratuita à comunidade. Agora, começa a fase de captação das verbas junto às empresas, que patrocinam o evento, e conseguem o abatimento em impostos por meio da lei cultural. Até a metade do próximo mês, Aécio pretende estar com a programação de shows finalizada e divulgada à comunidade. Recentemente, a Prefeitura de Taquara também encaminhou à Câmara de Vereadores projeto de lei prevendo repasse de R$ 20 mil ao evento, o que foi aprovado pelo Legislativo.


Fonte: jornal Panorama

Postar um comentário

[blogger][facebook]

Italo Dorneles

{picture#https://scontent.fcwb2-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/20031980_1559156280771539_4826566830380784332_n.jpg?_nc_cat=0&oh=31056e35fc0ba042b61a3b826bd6d603&oe=5BD0DC01} O editor Ítalo Oliveira Dorneles é gaúcho, natural de Canguçu e hoje residente e domiciliado em Arroio Grande. Advogado, atua nas mais diversas áreas do Direito. Apaixonado pela cultura gaúcha, já participou (como integrante e ensaiador) de diversos grupos de danças e também participou de festivais de declamação. Desde 2008 edita, administra e mantém o PROSA GALPONEIRA. {facebook#https://www.facebook.com/italo.dorneles} {twitter#http://twitter.com/italodornelesrs} {google#https://plus.google.com/+ÍtaloDorneles} {youtube#http://www.youtube.com/c/%C3%8DtaloDorneles} {instagram#https://www.instagram.com/italodornelesrs}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.