“O Silêncio e a Campereada” vence a 25ª Sapecada da Canção Nativa


Uma milonga foi a grande vencedora da 25ª Sapecada da Canção Nativa de Lages, na Serra catarinense. “O Silêncio e a Campereada” tem música de André Teixeira e Ricardo Comassetto, com letra de Sérgio Carvalho Pereira e interpretação de Luiz Marenco. O resultado foi revelado na madrugada desta quarta-feira (14), dentro da programação da 29ª Festa Nacional do Pinhão.

Na final subiram ao palco 16 concorrentes, sendo 12 da fase geral e as quatro da Sapecada da Serra Catarinense. As 32 músicas apresentadas participarão da gravação do CD duplo do festival, com as 16 composições da etapa nacional e as 16 composições da etapa estadual.

CONFIRA O RESULTADO FINAL:

1° lugar e Melhor Letra
“O Silêncio e a Campereada”
Letra: Sergio Carvalho Pereira
Música: André Teixeira e Ricardo Comassetto
Intérprete: Luiz Marenco

2° lugar
“Lá D'onde Eu Venho”
Letra: Rogério Villagran
Música: André Teixeira
Intérprete: André Teixeira

3° lugar e Melhor Conjunto Vocal
“Nos Campos do Amaricá”
Letra: Gujo Teixeira e Valério Teixeira
Música: Cristian Camargo
Intérprete: Joca Martins e Rogério Melo

Melhor Intérprete
Pirisca Grecco
Composição: “Saudade é fundo de campo”

Melhor Arranjo
“Saudade é Fundo de Campo”
Letra: Paulo Henrique Teixeira de Souza
Música: Cristian Camargo
Intérprete: Pirisca Grecco

Melhor Instrumentista
Juan Losano Carrera (Flauta Peruana)
Composição: “Rancho de barro”

Melhor Melodia
“Rancho de Barro”
Letra: Juliano Gomes
Música: Evair Suarez Gomez
Intérprete: Quarteto Coração de Potro

Mais Popular e Melhor Tema sobre a Região Serrana
“Memoriais da Nossa Origem”
Letra: Daniel Silva e Iradi Chaves Rodrigues
Música: Daniel Silva
Intérprete: Daniel Silva e Zetti Gaudéria

Melhor Tema Campeiro
“Potrilho, Potro e Pingaço”
Letra: Evair Suarez Gomez
Música: Juliano Marcio Gomes Avila
Intérprete: Ita Cunha

Foto: Vinícius Prado
Fonte: portal dos Festivais
Marcadores: , ,

Postar um comentário

[facebook][blogger]

Italo Dorneles

{picture#https://scontent.fcwb2-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/20031980_1559156280771539_4826566830380784332_n.jpg?_nc_cat=0&oh=31056e35fc0ba042b61a3b826bd6d603&oe=5BD0DC01} O editor Ítalo Oliveira Dorneles é gaúcho, natural de Canguçu e hoje residente e domiciliado em Arroio Grande. Advogado, atua nas mais diversas áreas do Direito. Apaixonado pela cultura gaúcha, já participou (como integrante e ensaiador) de diversos grupos de danças e também participou de festivais de declamação. Desde 2008 edita, administra e mantém o PROSA GALPONEIRA. {facebook#https://www.facebook.com/italo.dorneles} {twitter#http://twitter.com/italodornelesrs} {google#https://plus.google.com/+ÍtaloDorneles} {youtube#http://www.youtube.com/c/%C3%8DtaloDorneles} {instagram#https://www.instagram.com/italodornelesrs}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.