Medalha do Mérito Farroupilha: por que só agora causou revolta no Estado?


Nunca se falou tanto na tal Medalha do Mérito Farroupilha não é? 

Talvez outra vez que se tenha falado nela foi quando uma Deputada decidiu dar umas vinte e poucas pra tudo quanto é familiar (o cachorro não ganhou também por detalhe) mas não vem ao caso. 

Essa semana o agraciado foi o Sr. Jean Wyllys e causou descontentamento de praticamente todo o Rio Grande do Sul, afinal, o que ele teria feito pelo RS?

De forma bem sucinta, a alegação é que Jean Wyllys lute pelos direitos LGTB em todo território nacional, e por o RS fazer parte do Brasil, a medalha é válida. 

Mas a questão que quero colocar não é essa. 

Por que esse ódio repentino pela entrega de uma medalha? 

Vejamos por exemplo alguns agraciados em momentos anteriores: 

Músicos - Zezé di Camargo e Luciano
Jornalista - Patrícia Poeta
Missionário - R.R. Soares
Apóstolo - Valdomiro Santiago
Presidente da Bolívia - Evo Morales
Deputado na lista da Lava Jato - Luis Carlos Heinze
Deputado caçado em 1994 - Ibsen Pinheiro 

Por que nunca foi falado nada??? 

Por que cada um desses recebeu a medalha???

Será que o caso Jean Wyllys só tomou a dimensão que tomou por sua orientação sexual e por suas lutas? 

O a maioria dos Gaúchos SÃO SIM PRECONCEITUOSOS! E se tu não concorda, da uma circulada nas redes sociais e leia todo o tipo de ofensa possível contra o Deputado.

Está na hora de tirarmos a armadura e evoluir. 

E o pior de tudo, é ver pessoas reconhecidas no estado todo chutando o balde e fechando os olhos contra isso.

Se é certo ou não ele receber a medalha, não sei. Só sei que tomou uma proporção gigantesca, e não foi por nada...


Fonte: portal Estância Virtual. Para saber mais, clique aqui.


Nota do Blog: Desde o dia em que saiu a informação de que a medalha seria dada ao Jean e toda a repercussão que essa situação gerou no Estado  eu fiquei pensando em escrever algo. Esse texto do amigo Guilherme Milani Lorscheider do portal parceiro Estância Virtual, diz exatamente o que eu penso e sinto por essa situação, por isso compartilho com louvor.

Postar um comentário

[blogger][facebook]

Italo Dorneles

{picture#https://scontent.fcwb2-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/20031980_1559156280771539_4826566830380784332_n.jpg?_nc_cat=0&oh=31056e35fc0ba042b61a3b826bd6d603&oe=5BD0DC01} O editor Ítalo Oliveira Dorneles é gaúcho, natural de Canguçu e hoje residente e domiciliado em Arroio Grande. Advogado, atua nas mais diversas áreas do Direito. Apaixonado pela cultura gaúcha, já participou (como integrante e ensaiador) de diversos grupos de danças e também participou de festivais de declamação. Desde 2008 edita, administra e mantém o PROSA GALPONEIRA. {facebook#https://www.facebook.com/italo.dorneles} {twitter#http://twitter.com/italodornelesrs} {google#https://plus.google.com/+ÍtaloDorneles} {youtube#http://www.youtube.com/c/%C3%8DtaloDorneles} {instagram#https://www.instagram.com/italodornelesrs}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.