Acampamento Farroupilha termina com expectativa de recorde no RS

A extinção da Chama Crioula marcou na noite desta terça-feira (20) o fim do Acampamento Farroupilha em Porto Alegre. O presidente do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), Nairo Callegaro, espera que o evento neste ano supere o público do ano passado, chegando a 1,3 milhão de visitantes.

"O Acampamento Farroupilha está em um novo patamar de receptividade, de segurança, de qualidade, de atendimento, de conhecimento da população do que acontece aqui dentro", afirma.

O evento deixou o prefeito dos festejos farroupilhas, Paulo Matukait, satisfeito. "Gaúcho talvez seja uma arte, uma marca, de se sentir hospitaleiro, de agradar e de receber todos com carinho", celebrou.

Segundo a prefeitura, o projeto Turismo de Galpão, que neste ano chegou à quinta edição, bateu recorde de público este ano. O Espaço de Hospitalidade recepcionou 52 mil pessoas interessadas em informações sobre a cultura gaúcha, quase o dobro dos 27 mil visitantes em 2015. Além de mais de 25 mil porto-alegrenses, foram atendidos turistas de 62 cidades gaúchas, de outros 23 estados e de 21 países.

Entre os visitantes, estava a servidora pública Ana Paula da Silva Lara. Mineira, ela conta que fez quase uma dezena das oficinas sobre a cultura gaúcha. "A primeira foi de chimarrão. Teve de roda de carreta e histórias", conta a turista. "Vou ate falar ‘bah’ em vez de ‘uai’", brincou.

O acampamento, que permaneceria aberto durante a noite desta terça, conta com mais de 300 construções, com objetivo de recriar a vida do gaúcho desde o século XIX, até o que ainda hoje existe no interior do estado.


Fonte: portal G1 RS
Marcadores:
[blogger][facebook]

Italo Dorneles

{picture#https://scontent.fcwb2-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/20031980_1559156280771539_4826566830380784332_n.jpg?_nc_cat=0&oh=31056e35fc0ba042b61a3b826bd6d603&oe=5BD0DC01} O editor Ítalo Oliveira Dorneles é gaúcho, natural de Canguçu e hoje residente e domiciliado em Arroio Grande. Advogado, atua nas mais diversas áreas do Direito. Apaixonado pela cultura gaúcha, já participou (como integrante e ensaiador) de diversos grupos de danças e também participou de festivais de declamação. Desde 2008 edita, administra e mantém o PROSA GALPONEIRA. {facebook#https://www.facebook.com/italo.dorneles} {twitter#http://twitter.com/italodornelesrs} {google#https://plus.google.com/+ÍtaloDorneles} {youtube#http://www.youtube.com/c/%C3%8DtaloDorneles} {instagram#https://www.instagram.com/italodornelesrs}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.