Eduardo Rocha participa do Cliques do Rio Grande com a série Interiores
Foto: Antonio Obrakat


 Desde o início de sua carreira, Eduardo Rocha se dedicou às temáticas regionais. Com uma vivência pessoal muito ligada à fronteira do Rio Grande, o fotógrafo, que participa do projeto Cliques do Rio Grande com a série Interiores (confira no vídeo abaixo), se criou entre a cidade e o campo e teve sua trajetória cruzada com diversos nomes da cultura regional, como artistas, poetas e músicos.

Entre suas publicações está o livro "Olhos do Campo", que traz imagens de Eduardo Rocha e poemas de Gujo Teixeira. Além disso, o fotógrafo é autor da capa do mais recente DVD de Ernesto Fagundes, "Aires de Fronteira". Segundo o artista, a série Interiores mostra sua visão sobre o Rio Grande do Sul e é uma forma de homenagear suas origens, Dom Pedrito e Puntas de Jaguari, no Uruguai.

- Essa seleção é muito pura com imagens do cotidiano de vidas rurais. Espero que as pessoas possam viajar e se reportarem mesmo que por um instante ao campos e interiores do Sul.

Conheça mais do trabalho de Eduardo Rocha na entrevista abaixo:

 O que te inspirou a começar a fotografar?
Sempre gostei de fotografia. Em 2000, vim para Porto Alegre trabalhar em agência de publicidade e manipulava imagens de outros fotógrafos. Sentia vontade de produzir algo diferente do que encontrava no mercado e pensava: "se eu tivesse uma câmera, faria de outro jeito".

Chegou o dia em que, mesmo sem câmera própria, fui para São José dos Ausentes, onde acompanhei uma cavalgada. Lá, comecei a dar meus primeiros cliques com uma câmera emprestada. Gostei e decidi estudar. Mudei algumas disciplinas da faculdade de marketing para fotografia e, logo depois, cursei fotografia. De lá para cá, são 10 anos fotografando, estudando e ministrando oficinas de fotos rurais.

Qual o trabalho que mais te marcou ao longo desses anos?
As viagens com os Cavaleiros da Paz. Com eles, tenho minhas maiores histórias de culturas regionais. Já percorri Patagônia, Canadá, África do Sul e Mongólia, sempre inserido tanto na cultura gaúcha, representada pelos Cavaleiros, como nas culturas dos locais que visitamos. Essa é uma das missões do grupo: "irmanar povos distantes". Sou grato por ter a oportunidade de ser o contador dessas histórias através das minhas lentes. Vejo a fotografia como uma forma de registro do tempo.

Do que se trata a série Interiores?
Interiores é sobre minha história, como vejo o nosso Rio Grande. Em cada imagem trago um pouco dos meus sentimentos, da minha história. Foi uma maneira que encontrei de homenagear o lugar de onde vim, Dom Pedrito e Puntas de Jaguari, no Uruguai.

Siga o twitter @rbstv_rs, curta a página facebook.com/rbstv e siga o instagram @rbstv

Para ver o video, clique aqui.


Matéria de 02 de maio de 2016.


Fonte: RBSTV
Axact

#ProsaGalponeira

O Prosa Galponeira é um portal voltado para a divulgação da cultura gaúcha, amplamente diversificado, trazendo notícias sobre os festivais nativistas, shows - agenda de artistas, rodeios, eventos em CTGs, MTG e CBTG, artigos culturais, histórias e personalidades marcantes da nossa cultura, entre outras informações e histórias. E-mail: prosagalponeira@gmail.com.

Poste o seu comentário: